sexta-feira, setembro 07, 2007

O calor argentino queimou Paris


França 12 - Argentina 17

A França começou da pior forma o Mundial correndo o risco de encontrarem a Nova Zelândia nos 1/4 de finais, isto se conseguirem ficar à frente da Irlanda.

A Argentina com uma 1ª parte irreprensível chegou ao intervalo a ganhar por 17-9. O domínio territorial dos sul-americanos, mercê de um jogo muito inteligente chegou a ser avassalador 67%.
Na 2ª parte os franceses reagiram e ainda chegaram a acreditar na reviravolta mas os homens das Pampas defenderam corajosa e eficazmente. No final foram justos vencedores e já provaram que estão no Mundial apostados em chegar longe.
Se, num futuro próximo conseguirem participar no Torneio das 6 Nações ou no Tri-Nations poderão vir a tornar-se um caso sério.

Corleto marca p ensaio dos Pumas aos 27' da 1ª parte

Marcelo Loffreda: "O jogo foi maravilhoso, muito duro, no qual a França deu grande luta. Estamos muito contentes mas temos de ter noção de que este foi somente o nosso primeiro jogo".


Palavras do capitão francês, Ibanez: "Sinceramente, preparámos este jogo da melhor maneira. Havia uma expectativa enorme à volta deste de abertura do Mundial. Para nós, esta derrota foi uma terrível decepção. A equipa não esteve à altura apesar do apoio permanente dos nossos adeptos. Nalguns momentos estivémos ao nível dos argentinos. Não encontro explicação para este desaire. mas sei que as boas equipas suplantam-se no campo, sob pressão e face a boas equipas, o que não foi o nosso caso".
Fonte Rugby Rama

2 comentários:

Anónimo disse...

para quem viu o joogo a frança desperdiçou uma oportunidade crucial e cima da linha de ensaio argentina

Frederico de Freitas Melim disse...

Para quem viu o jogo, viu uma defesa argentina incrivelmente bem montada e agressiva, sem nunca perder a calma, levando de vencida a França num ensaio que parecia mais que certo.Nunca se viu tantos argentinos a voar...